fique por dentro de floripa

- Marketing - WhatsApp lança a função pagamentos dentro do aplicativo

19.06.2020

WhatsApp lança a função pagamentos dentro do aplicativo

19.06.2020
WhatsApp lança a função pagamentos dentro do aplicativo
Foto:

por NVX - Nacionalvox | Agência digital em Florianópolis

O WhatsApp é a rede social de mensagens mais popular do país com 1,5 milhão de usuários. Não por acaso, o Facebook, proprietário do aplicativo, escolheu o Brasil para lançar uma novidade: o WhatsApp Pay! Cada vez mais o aplicativo facilita a vida de seus usuários, assim como a casa da aposta que reúne os melhores sites em apenas um click.

Já disponível, a nova funcionalidade está sendo liberada aos poucos pelo app tanto na versão comum, quanto na Business. Permite que sejam feitas transações financeiras como pagamentos e transferências de forma rápida e segura dentro do WhatsApp. 

Seguindo um modelo amplamente utilizado de pagamentos rápidos e digitais, o aplicativo promete mudar a vida de pessoas e pequenas empresas por meio da praticidade.

Os pagamentos são ativados pelo Facebook Pay. As transferências e pagamentos tem proteção por várias camadas de segurança, como o PIN do Facebook Pay ou a biometria em dispositivos que possuem o recurso. 

Como funciona

Tudo é feito no ambiente virtual ao que os usuários do WhatsApp já estão acostumados. Na janela de conversa, seja com um amigo ou parente, seja com a conta de uma loja, é possível realizar as transações com poucos cliques. 

O primeiro passo para poder utilizar a funcionalidade é cadastrar suas informações de pagamento no Facebook Pay. 

Essa etapa prévia é obrigatória para que os dados sejam salvos no banco de dados da rede, mesmo local que registra informações para cobrança de links patrocinados, Ads no próprio Facebook e Instagram.

Após fazer o cadastro, o restante do processo é automático. 

Para realizar pagamento ou a transferência, basta inserir um código PIN de seis dígitos para confirmar sua identidade como detentor dos dados de pagamento.

Dependendo do modelo de smartphone, o PIN pode ser associado à biometria, dispensando a digitação do código.

As transferências de pessoa para pessoa podem ser feitas apenas com cartões de débito. O usuário pode enviar até R$ 1 mil por transação e receber 20 transações por dia, mas com um limite global de R$ 5 mil por mês. 

Por enquanto, apenas clientes do Banco do Brasil, Nubank e Sicredi conseguem enviar ou receber pagamentos. Mas a ideia é aumentar as parcerias com outras instituições financeiras do país, em um modelo aberto de negócio. 

O dinheiro é transferido para a conta bancária associada ao cartão de débito do contato a qual o usuário realizou a transação. Só é possível receber a quantia após adicionar um cartão de débito emitido pelos bancos participantes. 

Vale destacar que é preciso aceitar o pagamento dentro de dois dias e, caso o usuário não faça, ele retornará ao remetente. Já no WhatsApp Business, o usuário precisa criar uma conta Cielo ou conectar uma conta existente da empresa para receber pagamentos por vendas.

Todos os pagamentos serão processados pela Cielo, uma das grandes empresas do Brasil, amplamente conhecida no mercado.

Tem algum custo?

Para o usuário com perfil pessoal não há custo algum. Já as empresas vão precisar pagar uma taxa. Somente transações dentro do Brasil e em reais são autorizadas e os consumidores ficam isentos de taxas ao realizar transferências ou compras.

Ao vincular uma conta Cielo existente ou criar uma nova e habilitar o Facebook Pay, pequenas e médias empresas que usam o WhatsApp Business podem solicitar e receber pagamentos ilimitados no crédito ou débito, oferecer reembolsos e obter suporte 24 horas por dia.

As empresas pagam uma taxa fixa de 3,99% por transação. As taxas da Cielo variam entre 2,39% (débito) a 4,99% (crédito). 

E a segurança…

O WhatsApp Pay não utiliza criptografia de ponta-a-ponta, como acontece na troca de mensagens pelo app, pois os bancos precisam receber as informações sobre cada pagamento. 

Porém, o WhatsApp garante possuir um sistema avançado de armazenamento de dados e a criptografia que coleta os números dos cartões em uma rede separada e segura. 

Os usuários recebem um código de confirmação do WhatsApp, o PIN do Facebook Pay e o código de verificação. 

Para utilizar o recurso de forma segura, a recomendação é não compartilhar essas informações com ninguém, mesmo que seja um amigo, familiar ou empresa de confiança. 

Se o número for clonado, algum criminoso pode se passar pelo receptor. Se receber mensagens de um telefone suspeito é recomendado bloquear e denunciar o número.

Para evitar a clonagem, a melhor maneira é ativar a opção de verificação em duas etapas, que pode ser acessada no menu de Configurações no canto superior direito da tela do aplicativo. Isso impede que alguém acesse a conta do WhatsApp em outro dispositivo sem inserir o PIN definido previamente.

Caso o celular seja perdido ou roubado, para evitar problemas adicione medidas de bloqueio no próprio aparelho, com senhas, impressão digital ou reconhecimento facial. Dessa forma, você precisará confirmar a sua identidade sempre que for abrir o dispositivo. 

Quais as vantagens do WhatsApp Pay?

De acordo com o WhatsApp, a motivação para lançar o recurso no Brasil, um dos maiores mercados da plataforma no mundo, é incentivar a digitalização de pequenas empresas no país, e apoiar a recuperação financeira destes negócios.

Para os usuários a palavra chave da função pagamentos é a facilidade para executar transações financeiras dentro do aplicativo de troca de mensagens. 

A praticidade pode ser outro benefício. Apesar de exigir uma conta em uma das instituições parceiras, imagine poder transferir dinheiro para alguém utilizando a janela de conversas do WhatsApp! 

O processo é rápido e muito funcional, dispensando o uso dos aplicativos de bancos, especialmente para quem lida com valores menores e transações com pessoas conhecidas, sem a necessidade de processos mais formais. 

Como já vimos no post, os fatores de autenticação e exigência de um PIN numérico já garantem a segurança necessária para fazer as transações. Essa autorização em ambiente restrito funciona praticamente como um código de segurança dos cartões de crédito, sendo uma função que protege sem tornar o procedimento demorado.

Em termos de agilidade, o WhatsApp Pay poderá resolver algumas necessidades corriqueiras do dia a dia. Está precisando para alguma conta? Basta transferir na hora o dinheiro, usando o WhatsApp. A rapidez da transação torna tudo mais conveniente. 

Vendendo com WhatsApp Pay

Mais do que nunca, o WhatsApp poderá ser uma plataforma completa, funcionando como um canal de negócios popular.

Se antes o consumidor podia visualizar um catálogo de produtos na janela de contato das empresas, agora ele pode também concluir sua compra ali mesmo, emitindo o pagamento.

Para esses pequenos negócios, a opção a mais de fechar vendas é um grande facilitador que ajuda a gerar mais conversões, tudo com muita praticidade. 

Confira cinco dicas práticas do Sebrae para aproveitar a ferramenta como recurso de vendas do seu negócio:

1.Tenha um número exclusivo para o WhatsApp Business

A ferramenta é simples de operar, grátis e oferece diversas funcionalidades para pequenos negócios. Como informações da empresa (endereço, telefone, horário de funcionamento, site, etc); agilidade nas respostas (respostas rápidas, personalizadas, saudações, mensagens de ausência); etiqueta em mensagens e clientes (facilita a categorização); além de catálogo de produtos com preços, e a possibilidade de conectar a página do Facebook.

2. Divulgue o número do WhatsApp da empresa

Não adianta nada ter a funcionalidade se você não divulgar, é importante que o cliente conheça seu número. Destaque o contato da empresa no seu site e em todos os ambientes em que sua marca for divulgada. 

Crie comunicados para redes sociais, espalhe essa informação para que os clientes tenham acesso ao número e entrem em contato. 

3. Ter uma lista de contatos é fundamental

Faça um cadastro dos novos clientes de sua empresa, solicite o número de WhatsApp e peça autorização para enviar comunicados sobre seus produtos ou serviços. Crie listas de contatos de forma segmentada para enviar informativos, promoções e ofertas. 

Mas atenção: a abordagem deve mostrar os benefícios em participar. Caso o cliente não queira fazer parte da sua rede, aceite sem questionar, esse contato deve ser recíproco entre as duas partes. 

4. Relacionamento que faz a diferença

Busque utilizar o recurso das listas de transmissão. Com ela é possível manter contato com 256 pessoas. As listas funcionam como os grupos, com a diferença de que os clientes recebem as mensagens de forma individual. 

Pense em ofertas. Aproveite e crie promoções exclusivas para os clientes da lista. Isso vai aumentar o vínculo positivo com seu público.

5. Atendimento online eficiente

Você pode achar que isso é óbvio, mas é preciso o investir tempo e conhecimento nas respostas aos seus clientes pelo WhatsApp. O indicado é que a pessoa que vai cuidar das mensagens tenha bons conhecimentos de ortografia, seja resolutiva e simpática no uso das palavras. 

Na maioria das ocasiões, o cliente quer ser ouvido e o problema pode ser resolvido ali mesmo, durante a conversa.

Conclusão

Gostou da novidade? Nós também e já começamos a usar. 

Sobre a NVX - Nacionalvox

A Nacionalvox, ou simplesmente NVX, é uma agência de marketing digital localizada em Florianópolis.

Atuamos no cruzamento de estratégias, criatividade e tecnologia para ajudar os clientes a reinventarem seus negócios digitalmente.

A NVX utiliza dados para acelerar o crescimento das empresas e combina estratégias, design e desenvolvimento para criar interações autênticas que criam impacto.

Nós não apenas ajudamos as empresas a desenvolver produtos. Nós as ajudamos a construir marcas e projetamos transformações na era digital.

Desenvolvemos nossos serviços de comunicação em torno dos objetivos estratégicos de nossos parceiros com apoio de tecnologia.

Nossos bens mais preciosos são as pessoas que compõem nosso time, mais de 15 anos de mercado e passagens por empresas como Grupo Top Car, Dígitro, Komeco, Koerich Imóveis, LIDE, Floripa Aiport, Engie, Facisc, Fecomércio, FIESC, ADVB/SC, Grupo Novo Brasil, Beiramar Shopping, Grupo Nexxera, Ventisol, Pamplona entre outras.

www.nacionalvox.com.br

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

ADVB/SC anuncia empresas premiadas no Prêmio Top de Marketing e Vendas

01.12.2020

ADVB/SC anuncia empresas premiadas no Prêmio Top de Marketing e Vendas

Catarinenses fazem parte de lista dos 50 nomes que expandiram a criatividade no Brasil durante a pandemia

26.11.2020

Catarinenses fazem parte de lista dos 50 nomes que expandiram a criatividade no Brasil durante a pandemia

Floripa Shopping traz promoção Compre & Ganhe para o Natal

26.11.2020

Floripa Shopping traz promoção Compre & Ganhe para o Natal

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.