fique por dentro de floripa

- Economia e Negócios - Rede da Economia Criativa de Florianópolis lança manifesto pela reinvenção da cidade

03.11.2020

Rede da Economia Criativa de Florianópolis lança manifesto pela reinvenção da cidade

03.11.2020
Rede da Economia Criativa de Florianópolis lança manifesto pela reinvenção da cidade
Foto: Divulgação

 

O objetivo é propor aos candidatos a prefeito e vereador o compromisso com políticas públicas de incentivo às atividades que envolvam arte, cultura e inovação.

A Rede de Economia Criativa de Florianópolis está lançando um manifesto (veja abaixo) em defesa da reinvenção da cidade. Em um primeiro momento, a ideia é comprometer os candidatos a cargos eletivos com o fomento à criatividade e ao capital intelectual no município. Medidas de incentivo sistemático à gastronomia, música, cinema, design, dança, turismo, tecnologia e artes plásticas, entre outras áreas, são poderosos indutores do desenvolvimento inclusivo, como já comprovaram experiências em outros estados e países.

“Gostaríamos de contar com o apoio dos candidatos a políticas públicas que possam alavancar a economia criativa, a grande vocação da cidade”, diz Otávio Ferrari, conselheiro da Associação FloripAmanhã, uma das organizações que integram a Rede e atual coordenadora do movimento. Também participam a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a Vertical de Economia Criativa da Associação Catarinense de Tecnologia (Acate), a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a Universidade do Estado de SC (Udesc) e o Senac. 

Compartilhamento

Uma ação prioritária, explica Ferrari, é identificar quem atua com economia criativa no município e compartilhar essas informações com todos os participantes, para que possam trabalhar de forma integrada. O manifesto propõe, entre outras iniciativas, a ampliação dos distritos criativos para outros bairros, nos mesmos moldes do Distrito 48, no Centro; a criação de um “laboratório de desenvolvimento de projetos”, que facilite a captação de investimentos públicos e privados; e a promoção de Florianópolis como integrante da Rede Mundial de Cidades Criativas da Unesco no campo da Gastronomia.

A Rede de Economia Criativa também conta com a contribuição acadêmica do Departamento de Engenharia do Conhecimento da UFSC, por meio da disciplina Habitats da Inovação, ministrada desde 2015 por Clarissa Stefani Teixeira. “Este ano estamos trabalhando em rede, com a participação de 24 professores especialistas e mais de 70 alunos de pós-graduação de três países – Brasil, Bolívia e Portugal”, conta a professora. No final do semestre, os alunos irão apresentar uma proposição para o movimento.

Os candidatos a vereador e prefeito, assim como pessoas e organizações que quiserem aderir ao manifesto, devem enviar e-mail para secretaria@floripamanha.org 

A visão dos participantes da Rede

A economia criativa é um setor bastante importante e necessita de uma melhor estruturação para que possa receber apoio e incentivo. O primeiro passo a ser dado é a união de esforços dos diversos atores. Assim, pode-se levantar as necessidades comuns a todos e desenvolver um planejamento para o desenvolvimento deste segmento da economia. Para a Udesc, é importante fazer parte, pois formamos profissionais nestas áreas, artistas e designers, e também podemos contribuir na relação entre a universidade e as empresas.

Prof. Gabriela Mager – Udesc

 


 

O Floripa Conecta nasceu dos fundamentos da economia criativa. Nasceu com a mistura dos setores, embalado pela  diversidade e pluralidade da nossa amada Floripa. Ter uma rede que possa discutir, fomentar e unir os diversos atores é super oportuno e vemos como uma possibilidade de enriquecer ainda mais o desenvolvimento da sonhada Cidade Criativa.

Marcelo Bohrer  – Coordenador do Floripa Conecta


 

A criação dessa Rede é o reconhecimento e consolidação de todas as iniciativas existentes de inovação em economia criativa em Florianópolis, para fomentar a integração colaborativa de todo esse ecossistema. Estamos muito felizes de participar através da nossa CDL Tech e também através de nossa API de Inovação e Economia Criativa e da coordenação geral do Distrito 48.

Hélio Leite – CDL de Florianópolis


 

Vemos na Rede da Economia Criativa uma forma de unir forças de várias associações e grupos de trabalho. É estratégico para uma cidade como Florianópolis, polo de inovação, criar mecanismos que fomentem a economia criativa, já que ela faz parte da nova leva econômica que tem o conhecimento como valor. Essa é a grande vantagem: num mundo onde a globalização se consolidou e onde os produtos estão cada vez mais parecidos, as economias que giram em torno de trabalhos que precisam de criatividade, e trabalhos mais “humanos”, são cada vez mais necessárias para inovar. 

Luiza Guerreiro, diretora da Vertical Economia Criativa da Acate


 

A Rede de Economia Criativa é uma importante iniciativa para fortalecer os setores criativos de Florianópolis. A partir da valorização das cadeias de valor, ela fornecerá subsídios para o desenvolvimento sustentável e inclusivo. Estar entre as entidades integrantes da Rede de Economia Criativa, além do compromisso firmado, é uma questão de posicionamento institucional, pois esta é a mais nova área de atuação nas qualificações profissionais do Senac SC. Temos muito a contribuir para que Florianópolis firme ainda mais a chancela de cidade criativa.

Luis Fernando Albalustro, gestor do Programa Senac Criativo do Senac SC


 

MANIFESTO: 
Economia Criativa e o Desenvolvimento de Florianópolis

Leia o manifesto abaixo ou faça download aqui

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Iguatemi 365 chega em Florianópolis

30.11.2020

Iguatemi 365 chega em Florianópolis

Koerich com lojas abertas neste sábado e domingo

27.11.2020

Koerich com lojas abertas neste sábado e domingo

Lojistas catarinenses projetam aumento de vendas no Natal 2020

25.11.2020

Lojistas catarinenses projetam aumento de vendas no Natal 2020

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.