fique por dentro de floripa

- Economia e Negócios - Análise do Sindifisco/SC: desempenho da arrecadação de outubro é resultado do engajamento do Fisco

04.11.2020

Análise do Sindifisco/SC: desempenho da arrecadação de outubro é resultado do engajamento do Fisco

04.11.2020
Análise do Sindifisco/SC: desempenho da arrecadação de outubro é resultado do engajamento do Fisco
Foto: Setor da construção civil vem puxando a alta da arrecadação em SC - FOTO DIVULGAÇÃO

 

Presidente José Antônio Farenzena atribui números a ação efetiva dos auditores fiscais

O Sindicato dos Fiscais da Fazenda de Santa Catarina (Sindifisco SC) divulgou análise sobre o desempenho da arrecadação estadual anunciado no fim de semana pela Secretaria de Estado da Fazenda. Em outubro, o Estado registrou alta de 17,8% frente ao mesmo mês do ano passado, com R$ 2,79 bilhões arrecadados em valores nominais.

De acordo com o presidente José Antônio Farenzena, o crescimento expressivo se deu por uma conjunção de fatores. “O aquecimento da atividade econômica só se converte em arrecadação se houver ação efetiva do Fisco e dos controles sobre o comportamento dos contribuintes. Tudo está relacionado ao monitoramento e engajamento total dos fiscais da Fazenda, mesmo numa época tão difícil. Prova disso é a arrecadação de outros estados, que demoram bem mais a reagir”, analisa Farenzena.

O presidente destaca ainda que desde o início da pandemia o Fisco catarinense vem buscando formas de manter a arrecadação. “Após a forte queda ocorrida no segundo trimestre deste ano, encerramos outubro com a maior taxa de crescimento do ano, com 17,8% em relação ao mesmo período do ano anterior”, diz.

DESTAQUES – Conforme análise do Sindifisco, os setores que mais contribuíram para o crescimento foram construção civil, agroindústria e indústria metalmecânica, que cresceram 49,6%, 37,8% e 24,1%, respectivamente. Houve ainda um significativo aumento da arrecadação do ITCMD (36%). Também com crescimento superior a 20% aparecem os setores de supermercados e transportadoras.

Além da atividade econômica mais intensa neste mês, Farenzena explica que algumas ações iniciadas no passado começaram a apresentar os resultados agora. “Entre as medidas, a redução da alíquota interna entre contribuintes para 12% e a retirada de produtos da substituição tributária. Em relação à primeira, a alíquota se igualou à interestadual, o que incentivou a compra de insumos e produtos de fornecedores de dentro do território catarinense. Já a segunda, adotada pelo Estado após complexos estudos de mensuração dos auditores fiscais, concentrou a tributação na etapa final da cadeia produtiva (varejo), fase na qual o Estado é reconhecido nacionalmente pelos seus excelentes controles, ainda mais após a adoção de um modelo próprio da NFC-e, desenvolvido pelos fiscais da fazenda em conjunto com diversas entidades da sociedade civil”, explica.

A metodologia de trabalho desenvolvido pelos profissionais do Fisco também interfere nos diretamente nos resultados. Exemplo é o monitoramento e acompanhamento realizado via aplicativo Malhas Fiscais, lançado em setembro. “A adoção dessas práticas faz com que o Fisco fique mais próximo do contribuinte, incentivando a autorregularização e o recolhimento espontâneo dos débitos. Ao detectarmos os ilícitos tributários próximos da ocorrência do fato gerador, ganhamos em eficiência, evitamos grande parte dos litígios de longo prazo e passivos fiscais impagáveis, ajudamos a equalizar a previsibilidade nos desembolsos financeiros dos contribuintes e a dar segurança jurídica às empresas”, diz.

 

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Primeira Cafeteria Havanna da capital inaugura sábado no Iguatemi Florianópolis

04.12.2020

Primeira Cafeteria Havanna da capital inaugura sábado no Iguatemi Florianópolis

Arrecadação de novembro mantém bom desempenho em Santa Catarina

02.12.2020

Arrecadação de novembro mantém bom desempenho em Santa Catarina

Iguatemi 365 chega em Florianópolis

30.11.2020

Iguatemi 365 chega em Florianópolis

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.